Cuiabá (MT), 17 de janeiro de 2018 - 22:15

? ºC Cuiabá - MT

Contato DestaqueVip (65) 9.9600-2060

politica

19/12/2017 18:12

Hospital São Benedito comemora primeiro ano da gestão Emanuel com quase três milhões em redução de custos

Mesmo sendo referência em alta complexidade para a Capital e para os demais municípios de Mato Grosso, e ainda tendo ultrapassado as metas para a realização de cirurgias em 2017, o Hospital Municipal São Benedito (HMSB) conseguiu reduzir os gastos contratuais em quase três milhões de reais, neste primeiro ano de gestão do prefeito Emanuel Pinheiro.

De acordo com o diretor administrativo do HMSB, Álvaro Varella, ao todo, mais de 12 itens tiveram seus custos reduzidos significativamente, alcançando precisamente, uma economia de R$ 2.900.593,08 se comparados ao ano de 2016.  Para se ter ideia, apenas nos valores pagos por Órteses - aparelhos que servem para alinhar ou regular determinada parte do corpo e Próteses -, utilizadas como substitutas de membros e articulações do corpo e Materiais Especiais (OPME), o município economizou R$1,2 milhão de reais.

As despesas com a prestação de Serviço Médico Hospitalar em Geral, foram reduzidas em mais de R$ 500.000,00 durante este ano. Pelos exames foram pagos em 2016, R$ 2.386.156,88 e somente R$ 2.086.156,88 em 2017, o que diminuiu a receita em 20,43%, ou seja, R$408.000,00.   Na compra por combustíveis, alugueis de carro e segurança o hospital deixou de gastar R$840.117.58 para pagar apenas R$ 247.927.70.

Segundo Varella, a redução de custos não prejudicou a capacidade plena do hospital e ainda contribuiu para o bom funcionamento da unidade no momento em que houve redução de repasses. 

“Seguimos a determinação do prefeito Emanuel Pinheiro e usamos os recursos com responsabilidade sempre pensando na humanização dos atendimentos. Diante disso, sentamos com os fornecedores e após amplas negociações conseguimos revisar diversos contratos e extinguir alguns que considerávamos excessivos. A iniciativa proporcionou que mantivéssemos o nível de atendimentos do hospital, no momento em que o município sofreu a falta de repasses à saúde”, enfatizou o diretor.

O diretor geral do Hospital, Huark Correa reforçou. “O resultado contribuiu para que a unidade continue sendo referência em alta complexidade para Mato Grosso, outros estados e até países vizinhos, como a Bolívia. Afinal, foi essa redução de gastos no São Benedito, fruto de um excelente trabalho em equipe, que não deixou a desejar frente à força tarefa para humanizar a saúde na Capital dos 300 anos”, finalizou.


2
Crie seu novo site AgenSite
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo